Imprimir
Mulher tocando o rosto com as mãos

    Sensibilidade ao sol causada por medicamentos Reconhecendo os sintomas e entendendo as causas

    Muitos dos produtos comumente usados, geralmente vendidos em farmácias e drogarias, podem tornar sua pele mais sensível ao sol do que o normal. Os agentes fotossensibilizadores podem se tornar-reativos ou causa reações alérgicas quando interagem com a luz ultravioleta (UV). Este artigo explica as causas, os sintomas e o controle das reações de fotossensibilidade induzida por medicamentos.

    O QUE É A SENSIBILIDADE AO SOL INDUZIDA POR MEDICAMENTOS?

    Mulher tomando remédio
    Certos medicamentos podem aumentar a sensibilidade da pele ao sol.

    Fotossensibilidade ou sensibilidade causada por medicamentos, pode ocorrer durante a integração dos mesmos com os raios UV, causando fotoativação.

    Produtos químicos com estrutura planar, tricíclica, ou policíclica absorvem a luz ultravioleta, e quase sempre esses produtos alterados causam manifestações cutâneas, tais como reações fototóxicas ou fotoalérgicas. Como nem sempre é possível suspender o uso desses medicamentos é importante entender como proteger a pele da luz do sol.

    QUAIS SÃO OS SINTOMAS DAS REAÇÕES FOTOSSENSÍVEIS?

    As características clínicas de fotossensibilidade causadas por medicações podem variar, como o tipo de reação, seja fototóxica ou fotoalérgica, depende do tipo de agente causador da reação de sensibilidade.

    Converse com seu médico se você está preocupado(a) com algum desses sintomas, especialmente se  suspeita que tem fotossensibilidade induzida por medicamentos, ou não está seguro se seu medicamento(s) pode causar reações de fotossensibilidade.

    QUAL É A DIFERENÇA ENTRE REAÇÕES FOTOTÓXICAS E FOTOALÉRGICAS?

    A diferença principal é que as reações fotoalérgicas ocorrem quando o sistema imune reage às substâncias químicas fotoativas, causando inchaço e inflamação, enquanto as reações fototóxicas ocorrem unicamente devido à substância química fotoativa reagindo diretamente com o DNA e as membranas celulares, sem envolver o sistema imune.

    As reações fotoalérgicas portanto, exigem só a presença de uma quantidade pequena da substância química fotoativa, pois o sistema imune é muito sensível, enquanto que as reações fototóxicas exigem a presença de uma maior quantidade de química fotoativa (embora as substâncias químicas fototóxicas diferem em toxicidade, e consequentemente quantidades diferentes de cada substância química são exigidas para causar uma reação).

    O QUE SÃO AS DIFERENÇAS VISUAIS DAS REAÇÕES FOTOTÓXICA E FOTOALÉRGICAS?

    Close-up de pele com reação fotoalérgica
    As reações fotoalérgicas parecem-se com dermatite atópica.

    Apesar das reações fototóxicas e fotoalérgicas serem causadas por tipos de substâncias químicas fotoativas diferentes, que induzem reações bioquímicas diferentes, ainda assim pode ser difícil diferenciá-las ao examinar uma pessoa com fotossensibilidade. A diferença visual principal entre as duas reações é que as reações fototóxicas tendem a se parecer com o eritema solar grave, que se limita principalmente à pele exposta ao sol, enquanto o aspecto das reações fotoalérgicas se parece mais com o da dermatite atópica e a reação pode se espalhar na pele exposta às áreas protegidas.

    REAÇÕES FOTOTÓXICAS E FOTOALÉRGICAS– QUAL É A DIFERENÇA?

    Reação fototóxica

    Reação fotoalérgica

    Características clínicas
    Queimadura exagerada

    Distribuição
    Somente pele exposta ao sol

    Mediação imunológica
    Não

    Incidência
    Alta

    Necessário mais de uma exposição ao agente
    Não

    Quantidade de agente necessária para induzir fotossensibilidade
    Grande

    Velocidade da reação após exposição ao agente fotoativo e à luz
    De minutos a horas

    Características clínicas
    Dermatite

    Distribuição
    Principalmente - a pele exposta ao sol, mas pode se espalhar por outras áreas que não foram expostas ao sol

    Mediação imunológica
    Sim; tipo IV

    Incidência
    Baixa

    Necessário mais de uma exposição ao agente
    Sim

    Quantidade de agente necessária para induzir fotossensibilidade
    Grande

    Velocidade da reação após exposição ao agente fotoativo e à luz
    24-72 horas

    DESENVOLVIMENTO (PATOGÊNESE) DAS REAÇÕES FOTOTÓXICAS E FOTOALÉRGICAS

    Quias são as causas das reações de fotossensibilidade induzida por medicamentos?

    Tanto os medicamentos sistêmicos (por via oral) como os compostos aplicados topicamente têm o potencial para causar reações de fotossensibilidade. É portanto importante considerar a possibilidade de fotossensibilidade ao escolher um hidratante ou loção para a pele. Alguns medicamentos anti-inflamatórios, ou "analgésicos", também podem causar fotossensibilidade. Outros medicamentos fotoativos usados frequentemente incluem antibióticos, anti-inflamatórios não-esteroidais, diuréticos, estatinas, retinóides e antifúngicos.

    Mulher passa creme no ombro
    As reações de fotossensibilidade também podem resultar de compostos aplicados topicamente.

    Se você não tem certeza se o medicamento que você usa pode causar fotossensibilidade, ou você quer informações gerais sobre que medicamentos podem causar fotossensibilidade, pergunte ao seu médico.

    CONTROLE DAS REAÇÕES FOTOSSENSÍVEIS

    Qual é a melhor maneira de se proteger contra fotossensibilidade, caso tenha de tomar um medicamento fotoativo?

    Mulher de chapéu
    Recomenda-se uma combinação de roupa adequada e filtro solar com alto FPS.
    Mulher aplica filtro solar no nariz
    Evite filtros solares que contém ingredientes químicos fotossensíveis.

    Os comprimentos de onda de luz que causam reações de fotossensibilidade induzida por medicamentos estão na gama UVA (320-400 nm) e UVB (290-320 nm). No entanto, certas substâncias químicas podem reagir à luz do sol no alcance visível. Portanto, é fundamental evitar a exposição ao sol.

    Além do mais, proteger a pele com roupas e usar proteção solar com filtro eficaz contra UVA/UVB e um FPS alto pode lhe proteger contra a fotoativação da maioria dos medicamentos fotoativos que você precise tomar.

    Sempre siga as instruções de uso do filtro solar, especialmente com referência a frequência de aplicação. Evitar queimaduras solares também ajudará a reduzir o risco de reações de fotossensibilidade induzida por medicamentos. Leia mais sobre como proteger-se das queimaduras solares na face ou no corpo.

    O teste de pele é uma ferramenta útil para saber mais sobre seu problema de pele. No entanto, sempre consulte um médico para um diagnóstico presencial.